NetBet Cassino

Quase metade dos microempreendedores está otimista com Black Friday, diz estudo

Setores de cosméticos e eletrônicos são os mais animados para as vendas na data, aponta pesquisa da SumUp Black Friday
Black Friday Pexels/Karolina Grabowska

NetBet Cassino:Beatriz Puenteda CNN

no Rio de Janeiro
Ouvir notícia

Uma pesquisa mostra que 48% dos microempreendedores e autônomos estão otimistas para a Black Friday 2022, que acontece nesta sexta-feira (25). Além disso, 59% afirmam que planejam realizar ações especiais, como descontos e promoções para a data.

Os números são da SumUp, empresa global de tecnologia e serviços financeiros. O estudo foi realizado com 1.941 microempreendedores e profissionais autônomos de todas as regiões do Brasil.O levantamento apontou que 6% dos empreendedores estão pessimistas com a data, enquanto 46% estão neutros em relação ao evento. “As datas, por um fator sazonal, já aumentam as vendas desse público, o que justifica o otimismo. Com as promoções, os microempreendedores têm a oportunidade de lucrar ainda mais”, destaca a gerente de expansão da SumUp Brasil, Bianca Carnelli.Na análise por região, o Norte é mais otimista, com 63% dos respondentes animados. Do outro lado, o Sudeste ocupa a posição mais pessimista, com 38% dos microempreendedores com boas expectativas para a data.De acordo com o estudo, o setor de cosméticos e produtos para higiene pessoal é o mais confiante em relação à Black Friday, com 63% dos entrevistados. O segmento é o que mais tem, proporcionalmente, microempreendedores interessados em realizar ações especiais: 85%.O setor de eletroeletrônicos e eletrodomésticos também se destaca. Segundo o levantamento, 55% desses micronegócios estão otimistas, enquanto 73% pretendem fazer promoções ou dar descontos nesta sexta-feira.A pesquisa ainda revelou que o Natal é a data que mais desperta o sentimento positivo dos microempreendedores e autônomos brasileiros. De acordo com a amostra, 70% estão otimistas com relação às vendas no período. Sobre os negócios durante a Copa do Mundo, o índice de confiança é de 47%.“Ainda que a Black Friday seja uma data importantíssima para o varejo em si, a maioria das ações promocionais que vemos é liderada por grandes empresas. Já o Natal é uma data mais tradicional e conhecida por negócios de todos os tamanhos. Ainda é a época do ano com mais oportunidades de vendas para microempreendedores e autônomos”, diz Carnelli.
Mais Recentes da CNN

google

google

google

google

google

google

google

google

google

google

google

google

google

google

google

google

google

google

google

google

google